MENSAGEM DO DIA

Google+ Followers

Seja um seguidor(a)

quinta-feira, 8 de março de 2018

Cantor Rodolfo Abrantes Conta Por Que Deixou a Fama Da Banda De Rock Os Raimundos (Assista)

No auge do sucesso dos Raimundos, Rodolfo Abrantes, que foi um dos fundadores da banda, anunciou sua saída em junho de 2001. Para ele, tudo aconteceu por uma questão da fascinação — o brilho de Deus o atraiu mais do que o brilho da carreira.

Rodolfo passou a se aproximar do Evangelho por meio de Alexandra, que hoje é sua esposa. Ela havia se afastado dos caminhos de Deus quando iniciou seu relacionamento com o cantor, mas decidiu fortalecer sua fé e chamou algumas mulheres de oração para uma campanha de sete segundas-feiras na casa onde o casal morava.

Foi em um dos dias de oração que Rodolfo foi impactado pelo amor de Cristo. “Naquela reunião eu aceitei Jesus, sem saber o que eu estava fazendo. Aquilo nem se parecia em nada com religião. Se parecia com algo vivo, poderoso, que intimidou o que estava em mim”, disse ele em entrevista ao pastor Josué Gonçalves.

Na reunião da semana seguinte, uma das mulheres ministrou cura sobre a doença do cantor, que há um ano estava perdendo peso gradativamente, sentindo dores constantes no estômago e notando caroços debaixo do braço e da virilha. “Foi uma ministração de cura que eu nunca vi igual. Ela não repreendeu uma doença. Ela simplesmente deu um recado: ‘Jesus está mandando eu te dizer que Ele está te curando de um câncer no estômago, para você saber que Ele é Deus’”, conta.

Quando Rodolfo anunciou sua decisão de sair da banda, após seu último show no interior de São Paulo, ele teve que lidar com muitas críticas. “Dentro de mim eu sabia que seria o último, mas eu não tinha avisado a ninguém. Esse é um dos motivos que o pessoal ficou revoltado e eu dou a eles razão, eu também ficaria”, confessa. “Era muita coisa acontecendo. O mundo sobrenatural invadindo a sua vida. É algo muito poderoso te chamando e não dá tempo de preparar tudo e simplesmente dizer ‘estou indo’. Realmente eu agi como um doido, mas não tive jeito de ser de outro jeito”.

Rodolfo revela que era fascinado por sua carreira e pelo rumo que ela estava tomando, mas em algum momento aquilo perdeu o brilho. “De repente, veio o Senhor com um brilho que eu nunca imaginei que Ele pudesse ter. Justo no momento em que minha saúde estava fragilizada, Ele me dá saúde. No momento em que eu não tinha mais esperança para nada, Ele me deu esperança. Ele me fascinou completamente, foi um convite muito irresistível”, afirma.

“Eu não abandonei uma carreira por Jesus para virar um super-herói da igreja ou porque eu ia ganhar mais dinheiro. Foi uma questão a respeito de brilho”, acrescenta o cantor. “Quando o Senhor brilhou, não teve mais competição. O brilho Dele ganhou de todos os outros”.

Rodolfo considera uma honra receber um convite diretamente do Criador de todas as coisas. “Ele me colocou sentado numa mesa que eu não tinha como me sentar, se não fosse pelo sacrifício que Ele fez para me ter naquele lugar. Então é o fato de dar o real valor ao que está sendo proposto. É um convite irrecusável. Deus estava me chamando para andar com Ele. Eu não consigo imaginar a minha vida hoje se eu tivesse dito ‘não’ ou deixado para outro dia”.

Fonte: Portal Guiame

Nenhum comentário:

Postar um comentário

POSTAGENS RECENTES