MENSAGEM DO DIA

Seja um seguidor(a)

Google+ Followers

segunda-feira, 6 de julho de 2015

Em Apenas Um Mês "Faceglória" (Facebook Evangélico) Atinge 100 Mil Usuários e Tem o Apoio De Aline Barros, Bruna Karla e Soraya Moraes

Em junho, um grupo de evangélicos lançou uma rede social em que palavrões, beijo gay e conteúdo erótico são proibidos. O FaceGlória, como é chamada a ferramenta, censura 600 palavras e, em vez de "like", tem o botão "amém" para que os usuários expressem que gostaram de uma publicação. Os criadores dizem que o site já atraiu 100 mil membros.

"No Facebook, há muita violência e pornografia, por isso pensamos em fundar uma rede em que pudéssemos falar de Deus, do amor, e compartilhar Sua palavra", afimou o web designer Atilla Barros à AFP. "O que pretendemos é que todo o público evangélico brasileiro migre para o FaceGlória."

Ele e os outros três cofundadores trabalham no escritório de Acir dos Santos (PSDB), prefeito de Ferraz de Vasconcelos (SP). O político investiu US$ 16 mil (cerca de R$ 50 mil) na startup, segundo a BBC.

"Nossa rede vai ser mundial. Compramos também o domínio Faceglory em inglês e em todos os idiomas que se possa imaginar. Queremos incomodar o Facebook e o Twitter tanto no Brasil como no mundo", diz o prefeito.

A rede social tem o apoio de celebridades do mundo gospel como Aline Barros, Bruna Karla e Soraya Moraes.

No termos de uso e condições, o site se descreve como uma "rede social de valores cristãos, com fruição gratuita a todas as pessoas, independentemente de etnia, classe social e religião". O texto diz que o FaceGlória pode cancelar qualquer registro do usuário, sem prévio aviso, caso ele viole "os princípios legais e bíblicos afetos à moral e aos bons costumes".

A ferramenta não é a única a mirar um grupo religioso específico. A Ummaland, voltada a muçulmanos, foi lançada em 2013 e tem cerca de 330 mil membros — conta com "configurações de privacidade estendidas" para as mulheres e citações islâmicas diárias.

Há ainda empresas que se voltam a comunicades religiosas para criar aplicativos de relacionamento segmentados. O grupo Match.com, dono do ParPerfeito e do gigante Tinder, apostou no Divino Amor. Maior ferramenta de namoro evangélico do Brasil, o site triplicou o número de novos cadastros mensais no último ano. Hoje, possui 1,9 milhão de usuários. Para os católicos, existe ainda o Namoro Católico, e os judeus, o JSwipe.

Fonte:Epóca Negócios

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poderá gostar também de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

POSTAGENS RECENTES