MENSAGEM DO DIA

Google+ Followers

Seja um seguidor(a)

quarta-feira, 3 de junho de 2015

Pastor Silas Malafaia Critica Propaganda Do "O Boticário" e Convoca Boicote Aos Produtos Depois De Comercial Com Casais Gays (Assista)

A marca O Boticário lançou uma campanha de Dia dos Namorados que mostra casais heterossexuais e homossexuais trocando presentes, e gerou polêmica. Por um lado, homossexuais comemoram a ação. Por outro, os conservadores são tachados de homofóbicos.

Diante disso, o pastor Silas Malafaia convocou os defensores da família tradicional a boicotarem os produtos da empresa de cosméticos, em seu canal no Youtube. "Nós somos a maioria. Eu quero conclamar as pessoas de bem, que não concordam com essa promoção do homossexualismo através de propagandas, televisão e revistas, para boicotarem os produtos destas empresas, como agora O Boticário. Vai vender perfume para gay, eu não estou aqui para impedir ninguém de ser homossexual."

"Se estamos numa democracia para pensar a mesma coisa estamos em uma ditadura de opinião", disse Malafaia. "Eu posso criticar qualquer comportamento, e pessoas podem criticar o meu comportamento religioso".

O pastor ainda reiterou que homossexualismo é comportamento, e não condição. "Existe uma gama de empresas agora fazendo propaganda da relação gay. Eu sou contra, é um direito meu", esclarece Malafaia. "É um direito deles mudar o paradigma da sociedade, e eu tenho o direito de preservar macho e fêmea, porque essa é a história da civilização humana".

O comercial foi denunciado no Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária), que abriu um processo para julgar a propaganda após receber mais de 20 reclamações de consumidores que consideraram a peça "desrespeitosa à sociedade e à família", segundo informações do órgão nesta terça-feira (2). Ainda não há data para o julgamento.

No site Reclame Aqui, desde o dia 25 de maio, quando o vídeo foi lançado, até o dia 1º de junho, foram registradas 90 reclamações abertas, sendo 84 delas contra e 6 a favor da propaganda.

Em nota enviada ao Reclame Aqui, o Boticário reforçou o seu posicionamento: "O Boticário acredita na beleza das relações, presente em toda sua comunicação. A proposta da campanha 'Casais', que estreou em TV aberta no dia 24 de maio, é abordar, com respeito e sensibilidade, a ressonância atual sobre as mais diferentes formas de amor – independentemente de idade, raça, gênero ou orientação sexual - representadas pelo prazer em presentear a pessoa amada no Dia dos Namorados. O Boticário reitera, ainda, que valoriza a tolerância e respeita a diversidade de escolhas e pontos de vista".

No YouTube, uma espécie de "competição" acabou se instalando para ver se o comercial ganhava mais aprovações ou reprovações. Na manhã desta quarta-feira (3), por volta das 11h, 275.520 aprovaram o conteúdo contra 167.453 pessoas que reprovaram. A página do Boticário no Facebook também recebeu uma milhares de manifestações contra e a favor da propaganda.

O Conar informou, por meio da sua assessoria de imprensa, que a abertura do processo para julgar o comercial não impede que a propaganda continue a ser veiculada. O órgão costuma ser cauteloso em casos envolvendo questões morais e o código de autorregulamentação publicitária veda qualquer tipo de "preconceito". A previsão é que o caso seja julgado pelo conselho de ética do Conar em até 45 dias.

Fonte: Portal Guiame - Com informações: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Poderá gostar também de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

POSTAGENS RECENTES